Portal CDT/UnB - Notícia: Aeroporto de Aracaju conscientiza jovens sobre risco aviário
Acesso ao portal CDT

Esqueceu a senha? clique aqui.

Quero me cadastrar no portal

Fechar

Parcelas Disponíveis

Senha para realizar a inscrição
Fechar
Acesso ao portal CDT

Esqueceu a senha? clique aqui.

Quero me cadastrar no portal

NOTICIAS
ULTIMAS NOTICIAS
Aeroporto de Aracaju conscientiza jovens sobre risco aviário
30/10/2012

 

A Coordenação de Segurança Operacional da Infraero no Aeroporto de Aracaju/Santa Maria (SE) realizou palestra neste mês de outubro sobre o perigo aviário e brincadeiras com balões e pipas para alunos do Colégio Estadual Professor André Mesquita Medeiros. A ação, realizada em parceria com o Centro de Desenvolvimento Tecnológico da Universidade de Brasília (CDT/UnB), é realizada para as comunidades localizadas no entorno do aeroporto e faz parte dos trabalhos da Infraero relativos ao manejo de fauna e combate a fatores de risco para as operações aeroportuárias.

Na iniciativa, funcionários da Infraero e do CDT/UnB conversaram com os estudantes, de idade a partir de 12 anos, esclarecendo com cartilhas e atividades educativas sobre os riscos de jogar lixo em áreas próximas ao aeroporto, o que aumenta a proliferação de animais e aves nas áreas, e os problemas causados ao se empinar pipas ou soltar balões no entorno do terminal. Ambos os fatores interferem na segurança das operações de pouso e decolagem, podendo causar incidentes e até mesmo acidentes aéreos. 

É a primeira vez que o CDT participa dos trabalhos de conscientização sobre o perigo aviário em Aracaju, devido ao início da participação do aeroporto, desde maio de 2012, em convênio estabelecido pela Infraero e a Universidade de Brasília para a realização de diversas atividades na criação e manutenção de programas de manejo de fauna. “O convênio permite aumentar ainda mais o alcance e organização das nossas iniciativas de prevenção e conscientização – a participação do CDT é muito valiosa nesse aspecto, e o acompanhamento deles em atividades como esta é um exemplo da integração que esse trabalho permite”, pontuou a coordenadora de Segurança Operacional de Aracaju, Tayse Brandão Ferreira. 

Tayse, que organiza as visitas às escolas do entorno e conversa com os alunos das comunidades em palestras desde 2010, destacou também a resposta dos estudantes às ações. “As crianças ficam fascinadas com as palestras, mostram muito interesse quando percebem o quanto o aeroporto é próximo do dia a dia delas. Sempre pedimos a elas que mostrem aos pais as cartilhas, conversem com as famílias para conscientizá-los sobre as atitudes a se tomar para inibir o risco aviário, porque as crianças agem como multiplicadoras de conhecimento”, afirmou. 

“Além disso, também conversamos com os professores para aproximar os alunos ainda mais da convivência com o aeroporto por meio das atividades, incluindo-o, por exemplo, no contexto de problemas de matemática. Também planejamos realizar visitas de estudantes ao terminal e convidar os pais dos alunos para atividades de conscientização, estendendo esse trabalho a toda a comunidade”, concluiu Ferreira.

 


 

Manejo de Fauna na Rede Infraero

A Infraero desenvolve uma série de ações para reduzir a proliferação de aves e animais nos aeroportos da rede. O programa “Gestão do Perigo da Fauna Aeroportuária” estabelece os procedimentos a serem executados pela empresa para o gerenciamento da fauna dentro do sítio aeroportuário. O programa é realizado de acordo com a situação de cada um dos 63 aeroportos da Infraero, já que as características únicas de cada localidade devem ser levadas em consideração, como, por exemplo, a existência de área de proteção ambiental. Essas ações são desenvolvidas em caráter regular e permanente, como parte do cotidiano da administração aeroportuária.

Para o fim de combater o risco aviário, ações são implementadas todos os dias para afastar as aves e espécies da fauna local das áreas críticas dentro das áreas dos aeroportos, por meio de diagnósticos elaborados por biólogos contratados para dar suporte ao programa, assim como a contratação de instituições para a elaboração e realização de atividades de gerenciamento de fauna.

Um exemplo amplo dos trabalhos da Infraero nesse contexto é o convênio com a Universidade de Brasília (UnB) para criação e implementação de planos de manejo de fauna em aeroportos, que, além de Aracaju, alcança outros nove terminais: Brasília (DF), Cuiabá/Várzea Grande (MT), Salvador (BA), Recife (PE), Maceió (AL), Fortaleza (CE), Manaus (AM), Belém (PA) e Guarulhos (SP). O Aeroporto de Aracaju passou a integrar o convênio no final de maio, como estabelecido no contrato de renovação da parceria, que foi estendida por mais dois anos.

O programa “Gestão do Perigo da Fauna Aeroportuária” também tem como diretriz reduzir ao máximo o impacto causado às espécies animais que habitam os espaços em volta dos terminais, enfatizando métodos de captura e controle que não causem danos à fauna. As campanhas educativas, como a realizada em Aracaju, também contribuem para que as próprias comunidades possam ajudar a reduzir os riscos sem prejuízos para o contexto ambiental da região em que estão inseridas. 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa - Infraero

 

 

Últimas notícias
Feira de Negócios e Inovação 2019
Data: 05/11/2019
Inscrições Abertas - Feira de Negócios e Inovação - 2019 Nos dias 21 e 22 de novembro, o Ambiente de Inovação da UnB realizará a 9ª ed...
Saiba mais
BREVE DESCRIÇÃO DAS EJs
Data: 11/10/2019
Documento com uma breve descrição da Ejs do CDT/UnB...
Saiba mais
Projetos de Pesquisas
Data: 11/10/2019
Projetos de pesquisa em execução no âmbito do CDT/UnB...
Saiba mais
Critérios para contratação de bolsistas e prestadores de serviço
Data: 11/10/2019
O Centro adequou-se a determinação da Resolução CAD nº 003/2018, bem como o Novo marco legal de ciência tecnologia e inovação, sendo el...
Saiba mais
8º Workshop em Grandes Temas - ENVELHECIMENTO
Data: 23/09/2019
8º Workshop em Grandes Temas - ENVELHECIMENTO...
Saiba mais
Universidade de Brasília - Edifício CDT
Campus Universitário Darcy Ribeiro
Brasília - Distrito Federal
Caixa Postal: 04397 Cep: 70904-970
E-mail: atendimento@cdt.unb.br
Telefone: + 55 61 3107-4100
Fax: + 55 61 3107-4136