A concepção dos Parques Tecnológicos (equivalente aos termos Science Parks ou Research Parks, em inglês) originou-se nos Estados Unidos, na década de 50, como uma consequência do surgimento, no pós-guerra, de um grande número empresas de alta tecnologia a partir de atividades de pesquisa em curso nas universidades. Assim nasceram o Stanford Industrial Park (1953), no Vale do Silício no Norte da Califórnia, o Research Triangle Park (1958) na Carolina do Norte, além da Rota 128 em Massachusetts, nas cercanias de Boston.

Estes projetos pioneiros deram origem a complexos técno-científico-empresariais que despertaram a atenção de Universidades, planejadores urbanos, autoridades governamentais e investidores privados em todo o mundo. Em 2000, havia bem mais de uma centena de Parques no mundo, atingindo a marca de 400  Parques em 2012.

 

 

 

Na Europa, os primeiros Parques Tecnológicos surgiram no início da década de 70, a saber, Edimburgo e Cambridge, no Reino Unido e Sophia-Antipolis, nas proximidades de Nice, na França.  Após uma década virtualmente sem qualquer novo projeto, os anos 80 assistiram a uma rápida proliferação dos Parques em todo o mundo industrializado.

 

Endereço: Universidade de Brasília - Edifício CDT Campus Universitário Darcy Ribeiro Cep: 70904-970 | Brasília - Distrito Federal- Brasil 
E-mail: Pctec@cdt.unb.br Tel.: +55 (61) 3107-4204

Enviando formulário…

O servidor encontrou um erro.

Formulário recebido.

Endereço: Universidade de Brasília - Edifício CDT Campus Universitário Darcy Ribeiro Cep: 70904-970 | Brasília - Distrito Federal- Brasil 
E-mail: Pctec@cdt.unb.br Tel.: +55 (61) 3107-4204